Secretária de Políticas para Mulheres é exonerada e ex-deputada Tia Eron assume o cargo

x-chefe da pasta é filha do ex-deputado federal Valdir Colatto e estava no cargo há pouco mais de seis meses
Redação
  | Atualizado 

Ex-deputada Tia Eron assume Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres. Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, exonerou Andreza Winckler Colatto do cargo de secretária Nacional de Políticas para Mulheres do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Andreza é filha do ex-deputado federal Valdir Colatto (MDB-SC), convidado para ser o novo chefe do Serviço Florestal do Ministério da Agricultura.

A ex-secretária foi nomeada para o cargo em julho do ano passado. Antes, ocupava um cargo no Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário.

Quem assume a Secretaria é a ex-deputada federal Tia Eron (PRB-BA). A parlamentar foi decisiva na cassação do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ). Tia Eron deu voto de minerva na decisão do Conselho de Ética da Casa.

Categoria:BRASÍLIA

Deixe seu Comentário